A importância do limite

    Dar limites é uma das tarefas mais difíceis que os pais vivem na hora de educar os pimpolhos. Por isso, toda a família deve se unir para obter sucesso!

    Nunca foi tão notória em nossa sociedade a falta do limite no comportamento de nossas crianças, não é mesmo? E nunca foi tão atual a frase das nossas avós: “no meu tempo, não era assim”.

    Dar limites é uma forma de disciplinar as nossas crianças para conviver em grupo, respeitando regras e tolerando as diferenças. Porém, essa atitude deve ser vivenciando integralmente por todos os membros familiares; deve ser visto como algo correto e natural na maneira de se comportar.

    Demarcar até onde a criança pode ir é fundamental na vida de nossos pimpolhos, pois eles funcionam como uma rede de apoio, trazendo sentimentos de familiaridade e segurança em diferentes contextos e situações. As relações humanas são permeadas de regras e sempre existirão “normas” que asseguram os direito e deveres de todos. E a criança que não vivencia a disciplina dentro de sua casa certamente terá dificuldades em seguir regras em outros espaços sociais (exemplo: escola, igreja, esportes, entre outros).

    limitesÉ necessário observar e diferenciar birras de reais necessidades da criança

    A principal consequência de uma vida sem limites será a dificuldade em construir vínculos duradouros e estáveis, o que poderia favorecer o isolamento e a baixa autoestima.

    Mas essa postura, em muitos momentos, é difícil de ser passada à criança. Muitas vezes pensamos: “nossa, mas ele é tão pequenino para entender”, por isso é necessário observar e diferenciar birras de reais necessidades da criança, favorecendo a segurança na relação, não somente com vocês pais, mas também na construção dos vínculos com a sociedade.

    Ah! Mas, é sempre bom lembrar e ressaltar que a violência não pode ser vista como uma ferramenta à disciplina infantil! As punições severas só prejudicam o desenvolvimento emocional da criança.

    Por tudo isso, devemos entender que dar limites (educar ensinando o que é certo e errado) é um pilar na educação infantil e é fundamental para a formação da saúde mental da criança e do futuro adulto. Cabe aos pais e à família garantir esse desenvolvimento equilibrado.

    Um forte abraço e até a próxima.