Amamentação: a importância de se alimentar bem nesse período

    A amamentação é a fase mais importante para o bebê. E se alimentar corretamente é o primeiro passo para ajudar na produção do leite materno.

    Logo após a descoberta da gravidez, uma das maiores preocupações das futuras mamães é a alimentação. Afinal, é preciso estar atenta ao que se come, pois isso irá garantir parte da nutrição do bebê, além de afetar a saúde da gestante. Mas a ingestão de alimentos saudáveis deve permanecer mesmo após o nascimento do pimpolho. O motivo é simples. Será uma fase superimportante para o seu filho: a amamentação.

    Não é segredo que a amamentação é essencial para a criança. Ela que fornece todos os nutrientes necessários para o seu desenvolvimento. Não à toa, a Organização Mundial da Saúde aconselha que até os seis meses de idade o bebê se alimente somente do leite materno e que, mesmo após essa fase, quando a mamãe irá inserir outros alimentos na dieta do pimpolho, continue se amamentando (se possível, até os dois anos de idade!).

    Segundo a nutricionista Letícia Matrak, a amamentação possui necessidades nutricionais peculiares que devem ser respeitadas. “Nesse período, leite, proteína e cálcio tem de fazer parte do cardápio da mulher”, afirma.

    Hábitos

    A nutricionista lembra que a mulher tem de criar hábitos alimentares saudáveis desde o início da gestação e que é muito importante permanecer com esse costume durante todo o processo de amamentação.

    “Quando a mulher está amamentando, precisa ingerir mais nutrientes que o normal, pois parte deles vai para o leite materno. É normal, por exemplo, que ela tenha que tomar vitaminas, mesmo se alimentando corretamente”, ressalta.

    Por isso, nesse período é essencial que a mulher consuma alimentos que contenham ácido fólico, para evitar a anemia. Dessa forma, frutas, verduras, carne magra e muita – mas muita água, são apenas alguns dos itens que devem estar inclusos na dieta alimentar da mamãe.

    Além desses, a laranja também é um ingrediente fundamental, por conter vitamina C e E. “Alimentos como beterraba, que contenham minerais e atuam como antioxidantes, também devem estar na dieta”, acrescenta Letícia.

    Peso

    E se a mamãe quiser voltar à boa forma, não há problema em começar uma dieta visando o emagrecimento, desde que haja acompanhamento. “Praticar atividade física nesse período também é saudável, mas precisa, obrigatoriamente, ser supervisionado por um profissional”, afirma a nutricionista.

    *Na próxima segunda-feira, daremos continuidade a esse tema. Acompanhe!

    [sharethis-inline-buttons]