Como ser o melhor exemplo para os filhos?

    Nosso colunista Ronaldo Gentil relata como o fim de seu casamento mudou o relacionamento com sua filha Antonella.

    Tenho muitas falhas, mas quero ser o melhor exemplo para a minha filha! Quero não, tenho que ser o melhor exemplo para ela. E sabe o que eu descobri? Ser o melhor exemplo para alguém, não é fácil para ninguém.

    Como ser o melhor exemplo? Foi respondendo a essa pergunta que levei meu maior tapa: descobri o que meus pais eram.

    Meus pais me reprimiram, me deram bronca, me deram amor e se respeitaram. Nunca vi meus pais perderem o controle. Amor e respeito! Essa é a fórmula!

    Com seis meses de pai, eu e minha esposa não éramos nem de longe o melhor exemplo. Brigas motivadas pela falta de dinheiro e de tempo tiraram de nós a chance de ter a fórmula para cuidar da Antonella.

    Minha esposa era o alimento da minha filha, estava sobrecarregada, se sentindo sozinha, sem tempo de ir ao banheiro, sem a auto-eficiência que estava acostumada. Eu, preso no trabalho, sem saber como sustentar a casa. Ela com 20 anos, eu com 29. Fomos imaturos.

    O respeito acabou e levou junto o amor. Como ser um bom exemplo sem respeito e sem amor?

    Doeu muito, mas nos separamos. Não chorei, mas foi o momento mais difícil da minha vida. Como dormir e acordar sem o sorriso da Antonella? Ver meus pais se amando e respeitando com 50 anos de casados, e eu me separando com tão pouco tempo e com uma bebezinha linda.

    Passei a ir para a casa dos pais da minha ex-esposa umas três vezes por semana e ficar com a Antonella todos os fins de semana. Parece mentira, mas depois que me separei, passei a arrumar mais tempo para ver e ficar com minha filha. Não porque não quisesse antes, acontece que também fui morar com meus pais, sai do aluguel, minhas despesas diminuíram e pude trabalhar um pouco menos.

    Abrimos mãos de algumas coisas para ter o tempo, uma delas é o plano de saúde. Levo minha filha periodicamente ao médico, e utilizamos o SUS.

    Hoje, eu e minha ex-esposa somos amigos, porém não voltaremos a ser um casal. A relação de amizade é bem mais harmônica do que a de casal. Estamos nos respeitando!

    Final de semana, durmo e acordo com o sorriso cada vez mais lindo da minha filha. Lá em casa, tem uma barraca, que é a casa da princesa. Ela precisa muito mais do meu tempo, do que de brinquedos caros.

    [sharethis-inline-buttons]