Dentinhos de leite: por que são importantes?

    Os dentes decíduos, mais conhecidos como “dentinhos de leite”, são muito mais importantes do que a maioria dos pais imagina. Além de serem os responsáveis pelo lindo sorriso do nosso bebê, eles exercem funções fundamentais para o desenvolvimento da mastigação e da fala. Dentre as suas várias funções podemos citar:

    1. Proporcionar um sorriso que auxilie a convivência social e influencie adequadamente na formação da auto estima da criança.

    2. Auxiliar a digestão, já que proporciona a mastigação adequada dos alimentos.

    3. Auxiliar a fala, já que permite a pronúncia correta das palavras.

    4. Auxiliar o crescimento e desenvolvimento dos ossos e músculos da face da criança.

    5. Guardar o espaço e direcionar o dente permanente que irá substituí-lo, ajudando a evitar o mau posicionamento dos dentes permanentes e consequentemente reduzir a necessidade de aparelhos ortodônticos no futuro.

    A formação dos dentinhos de leite se inicia durante a gravidez, mas os primeiros dentinhos surgem na boquinha do bebê entre o sexto e o oitavo mês de vida. A dentição de leite estará completa aos três anos de idade e será composta por 20 dentes.

    A substituição dos dentes de leite pelos permanentes começará por volta dos seis anos de idade e ocorrerá gradativamente até os 12 anos quando normalmente a dentição permanente estará completa. A mãe não precisa se preocupar, pois os dentinhos ficarão “molinhos” e cairão sem dor ou sangramento.

    Devido à importância dessa dentição, os cuidados com os dentes de leite devem ser iniciados logo após o nascimento do primeiro dentinho, por volta dos seis meses de vida. E não esqueça de que esses serão fundamentais para o sorriso que seu filho levará para o resto da vida.