Detalhes do quarto do bebê

    A chegada de um bebê transforma a vida e, é claro, o lar de qualquer casal. Comigo e meu esposo não foi diferente e, nesse primeiro post no “Carinho a cada Passo”, quero compartilhar com vocês justamente essa experiência de preparar a casa para receber nossa filha, Sophia, que hoje está com nove meses de idade.

    Desde que confirmamos que estávamos “grávidos”, o sonho de ter um pequeno ser de pura luz e felicidade ocupando cada cantinho do nosso lar e das nossas vidas nos dominou. O sonho foi se tornando mais real a cada novo sintoma da gravidez, a cada ecografia, a cada chutezinho… E logo os preparativos para chegada da filhota invadiram nossa existência e preencheram nossos dias. Objetos foram trocados de lugar, paredes e aberturas foram pintadas e, como não poderia deixar de ser, o quartinho para receber nossa princesinha começou a ser preparado e acabou se tornando o lugar mais especial da nossa casa!

    Optamos por fugir do tradicional cor-de-rosa e pintamos as paredes em um tom de lilás bem clarinho, cor que, segundo o feng shui, traz tranquilidade, sossego e calma. Logo em seguida uma delas foi revestida com papel de parede. Escolhemos um motivo delicado e que não fosse muito infantil, para que pudesse ser mantido no decorrer do crescimento de nossa filha.

    O primeiro móvel do quartinho foi o berço (ganhado de uma amiga), que logo recebeu um lindo kit de enxoval pra ficar bem fofinho:

    Depois compramos a cômoda, que recebeu os apetrechos necessários para servir como trocador, o roupeiro e um nicho.

    Escolhemos tudo branquinho para deixar o ambiente aconchegante. O charme ficou por conta dos detalhes em contas de cristal:

    Nesse ponto também tomamos o cuidado em optar por móveis que pudessem acompanhar o crescimento da nossa pequena, mas que não representassem perigo na fase de bebê. Os cantos são arredondados, os puxadores não são sobressalentes e o design não permite que o bebê “escale” os móveis. Completando o mobiliário, revestimos uma poltrona da sala de nosso antigo apartamento, para dar suporte à amamentação:

    Também não esquecemos de dar uma atenção especial à iluminação. Rebaixamos o forro com gesso, embutimos várias lâmpadas dicróicas e escolhemos um lustre central. As diversas lâmpadas ganharam interruptores individuais e o lustre central foi equipado com um dimmer, de forma a permitir que se varie a intensidade da iluminação conforme o objetivo que se pretenda.
    Espalhamos itens fofos por todos os cantos e também acessórios que tornam o dia-a-dia mais fácil, como o porta-trecos sobre o trocador:

    Por fim, instalamos o condicionador de ar para trazer conforto térmico ao ambiente e providenciamos as cortinas. Esse foi o resultado:

    Cada detalhe foi planejado com muito com amor e depois de tudo pronto nos restou esperar ansiosamente para ver o quartinho ocupado por sua pequena moradora que há muito já habitava nossos corações!

    Espero que tenham gostado de conhecer um pouquinho da minha casa e que acompanhem aqui minhas dicas de decoração para ambientes e festas infantis.

    Um abraço,
    Maura

    [sharethis-inline-buttons]