Gravidez saudável: a alimentação pode refletir na saúde do bebê

    Ao manter uma alimentação equilibrada durante a gravidez, a mamãe garante para a criança uma genética favorável à alimentos saudáveis.

    Você já ouviu falar de Epigenética? Pesquisadores descobriram que não é só genética que a mãe passa para o filho, durante a gravidez ela também passa hábitos. E esses hábitos no período da gestação vira DNA, ou seja, fica na formação do filho para sempre.

    Por isso, as primeiras experiências com o sabor são transmitidas pela mãe através do líquido amniótico, até mesmo antes do nascimento. Não é fantástico? Isso significa que mães que se alimentam adequadamente durante a gestação “passam” esse sabor para o filho.

    O mesmo ocorre para mães que comem muito açúcar, muita gordura e muita comida processada. Logo, já durante a infância, a criança terá receptor favorável a alimentos saudáveis ou às gorduras e açúcares. E tudo isso dependerá de como você está se alimentando durante a gravidez.

    alimentacaoAo se alimentar bem, a mamãe já estimula a criança desde a gestação a ter uma alimentação saudável

    Então, aquela história de que grávida deve comer por dois, de maneira exagerada ou mesmo comer tudo o que vê pela frente, é mentira! Na verdade, a dieta da gestante deve ser balanceada, rica em cereais integrais, proteínas magras, castanhas, sementes, legumes e verduras. O acompanhamento nutricional irá ajudá-las a fazer as melhores escolhas, garantindo saúde para a mamãe e para o bebê.

    Por isso, futuras mamães, vamos escolher bem os alimentos para garantir um futuro saudável dos pequenos.

    Um grande abraço,

    Até a próxima!