Ovo: mocinho ou bandido?

    Você tem medo de dar ovo para o seu pimpolho por receio de ser prejudicial à saúde dele? Então fica de olho nas dicas da nutricionista Andeia Friques e descubra se isso é mito ou verdade.

    Você costuma dar ovo para o seu pimpolho comer ou tem medo dele fazer mal à criança?

    Há algum tempo essa história de que o ovo aumenta o colesterol LDL (ruim) caiu por terra. O que sabemos hoje é que esse alimento – barato e acessível – é super nutritivo, rico em proteína, ferro, ácido fólico, zinco, manganês, entre outros…

    A GEMA tem um nutriente importantíssimo p/ todos, especialmente p/ minhas gestantes e crianças: a COLINA! Uma vitamina do complexo B que traz vários benefícios para o corpo, inclusive p/ o cérebro, ajudando nas suas funções cognitivas e na prevenção de doenças como Alzheimer e Parkinson.

    A CLARA é rica em ALBUMINA, uma das principais proteínas do corpo. Essa proteína é responsável pelo transporte de nutrientes e por várias outras funções também importantes.

    De olho nas potencialidades desse alimento, vão aí minhas dicas:

    – Bebês podem consumir ovo a partir dos 6 meses junto com a alimentação complementar.

    – Atualmente, recomenda-se excluir a clara apenas dos bebês que possuem história pessoal ou familiar de alergia alimentar.

    – Ofereça e consuma o ovo cozido, assado, “a pochê” ou frito no óleo de coco.

    – Cozinhe bem a gema para prevenir o risco de contaminação por Salmonella.

    No mais, fique de olho que em breve teremos mais dicas sobre esse assunto.
    Até lá!

    *Post publicado também na fanpage da autora no Facebook.
    *Foto capa