Ser mãe é como ser professora: ensinar e aprender

    As crianças que vão desde cedo para a escolinha são mais espertas e inteligentes do que aquelas que só começam a estudar quando isso é obrigatório? Nossa colunista Letícia acredita que não! Afinal, ser mãe é como ser professora!

    Muitas vezes ouvi pessoas dizendo que as crianças que vão para a escolinha mais cedo são mais inteligentes e mais ágeis do que as que não vão. Sinceramente, não acredito nessa premissa e falo que a Isabelle é a prova viva de que isso é apenas um ditado popular como muitos outros. Todas as crianças são capazes de aprender coisas novas, mesmo em casa, e cada uma tem seu tempo!

    Minha filha tem 2 anos e 5 meses e meu marido e eu optamos por só matriculá-la na escolinha com 3 anos, que é a idade obrigatória. Então, para a Isabelle já ir se acostumando com alguém indicando caminhos e novos conhecimentos, eu mesma ensino diversas coisas, baseadas em nosso cotidiano e com a ajuda de jogos educativos.

    Começamos pelos sons dos animais, depois as formas de cada um. Em seguida, as cores e o nome das pessoas; as palavrinhas mágicas: obrigada, por favor, desculpa… Hoje ela já sabe todas as formas, todos os animais e as cores, o nome dos avós, pais e tios, sabe dominar um jogo educativo como ninguém, sabe contar também! Até 15, do 10 a 0 (de trás pra frente mesmo), até 10 em inglês e interage bem com as pessoas.

    Diversas mães já se impressionaram com as coisas que a Isabelle sabe fazer e se surpreenderam quando disse que minha filha ainda não vai à escola. Isso porque ela é muito esperta e tem facilidade em captar tudo o que instruímos. Eu adoro ensinar minha pequena e é uma satisfação enorme quando vejo que ela está descobrindo coisas novas. É como brincar de escolinha. E nessas horas, a professora sou eu.

    Ter esses momentos todos os dias ao lado dela é muito prazeroso para mim. Por isso, se você optou por ficar em casa cuidando dos filhos ao invés de investir em uma carreira, não se sinta culpada. Assim como as mamães que estão investindo no trabalho fora de casa também não precisam se sentir. Afinal, cada mãe sabe o melhor para seu o filho e para sua família.

    Pela minha experiência, se você decidiu ficar em casa tomando conta dos filhos, é importante aproveitar esse tempo para se dedicar a eles. Se você estimula e instiga a curiosidade e a imaginação, ele vai tirar lições dali. Crianças dessa idade são muito inteligentes e aprendem muito rápido. Basta tirarmos um tempinho para brincar com eles, para ter um momento prazeroso. É uma brincadeira de ensinar e aprender, porque esses pequenos conseguem nos ensinar muitas coisas também! Pode acreditar.

    Estimular nossos filhos é apenas mais um papel que podemos e devemos exercer como pais, lembrando sempre que a orientação de um profissional se faz necessária quando você tem dificuldades ou na hora em que a iniciação educacional for obrigatória. E quanto ao tempo… Ah, aproveite enquanto seu pimpolho ainda está sempre bem juntinho de você!